Escolha uma Página

O jeito certo de liderar

por abr 14, 2021Blog0 Comentários

Liderar pessoas é uma das missões mais nobres que você pode exercer! Já parou para pensar sobre o impacto que você pode causar na vida das pessoas e ao mesmo tempo o resultado que pode gerar para as organizações – sejam igrejas, empresas, ONGs?

Por outro lado, “com grandes poderes vêm grandes responsabilidades”, como diz o ditado popularizado pelo tio Ben, do Homem Aranha. Liderar não é fácil e não se aprende apenas participando de cursos. É um aprendizado contínuo, é um “se desafiar e desafiar o outro” em todo tempo.
Exige um nível de autoconhecimento, de saber autoliderar e de ter empatia em relação ao outro para entender os diferentes perfis e assim, exercer assertivamente a liderança.

Liderar é saber influenciar pessoas, inspirando-as a serem melhores e autônomas, conectando-as a um propósito ou uma visão a ser seguida.
É conduzi-las com autoridade na direção do desenvolvimento, da transformação e do sucesso das pessoas e da organização, seja ela familiar, espiritual ou organizacional.

Ao exercer a liderança recebemos uma parcela da responsabilidade sobre o desenvolvimento do outro e precisamos saber lidar com as pessoas, com o nível de maturidade de cada liderado e a natureza das situações vividas.

 

Liderança: angústia ou prazer?

A posição de líder naturalmente te coloca como um guia, um condutor que direciona e orienta os outros.
Se por um lado esta posição pode ser vivenciada como um peso ou algo assustador, por outro, pode ser vivida como um prazer, um desafio, um alvo, uma vocação, um chamado.
Você escolhe. E o que vai determinar sua escolha é o desejo de contribuir com o processo de transformação das pessoas e fazer a diferença na vida delas.

Qual o seu jeito de liderar?

Durante nossa formação como pessoas e como profissionais, somos inspirados pela família, professores, líderes, e alguns exemplos de comportamentos que vão nos apresentando os diferentes estilos de liderança e como num desenho que toma forma, vai se construindo seu “jeito de liderar”.

Que tal dedicar um pouco de tempo agora refletindo sobre isso: O seu jeito de liderar! Preparamos algumas questões para te ajudar nesta tarefa:

  • Você acredita que existe um jeito certo de liderar? Se sim, qual?
  • Qual é o seu “Jeito de Liderar”? Que tipo de líder Você É?
  • Quais são as suas características marcantes que se expressam na sua liderança?

Feita esta reflexão inicial, te convidamos para o primeiro passo para aprimorar seu jeito de liderar: mapear seu perfil comportamental, que refletirá diretamente no seu estilo de liderança.

 

Passo 1: Mapear seu perfil comportamental

Para isso, traremos um apoio teórico de estilos comportamentais baseados no DISC que se dividem em quatro dimensões, uma para cada letra:
D – dominância
I – Influência
S – Estabilidade
C – Conformidade

Cada um destes fatores implica em características específicas. Quem tem uma alta intensidade do fator D, por exemplo, tem características quase que opostas a quem tem uma baixa intensidade. E assim por diante com os demais fatores.

É importante dizer que nenhum fator ou intensidade é melhor do que o outro. Cada pessoa tem uma combinação que, quando usada de forma sábia e intencional, pode liderar com suas forças e conquistar grandes resultados.

A seguir, veja as principais características dos 4 fatores com alta intensidade. Enquanto lê, procure se identificar qual ou quais deles estão presentes em você e quais não estão.

Dominância

A dominância (executivo/fazer rápido) – este estilo possui facilidade em comandar e tem posicionamento firme. São focados, impõem prazos, são questionadores, críticos, visionários e ousados. Adoram desafios, gostam de uma boa competição e velocidade na ação. A tomada de decisão é racional, rápida e mais individual.

Para refletir:
Quais são as vantagens de um estilo com alto fator Dominância? E as desvantagens?

 

Influência

A influência (motivador/fazer diferente) é forte e valoriza a conexão e o diálogo entre as pessoas. É gregário, gosta de reunir pessoas e incluí-las no grupo, sem deixar ninguém de fora. Lidera de forma descontraída, gosta de motivar e encorajar pessoas. Impulsiona quem está ao seu redor com seu dinamismo e contribui com um ambiente agradável. Estimula o trabalho em grupo e a criatividade. Prefere delegar tarefas que exigem concentração e detalhes. A tomada de decisão é movida por emoção e intuição.

Para refletir:
Quais são as vantagens de um estilo com alto fator Influência? E as desvantagens?

 

Estabilidade

A estabilidade (metódico/fazer junto) é encontrada neste estilo que busca consenso e orientação. São abertos às opiniões, sabem escutar, são acolhedores, planejadores e encontram prazer em servir o outro. São pessoas leais, preferem relacionamentos de longo prazo. Gostam de estrutura, rotina, clareza de direção antes de entrar em ação. Refletem antes de agir e preferem envolver os outros antes de decidir.

Para refletir:
Quais são as vantagens de um estilo com alta dominância? E as desvantagens?

 

Conformidade

A conformidade (analítico/fazer certo) está presente neste jeito de liderar. Direciona as pessoas para o cumprimento dos padrões, o detalhe, a qualidade e o racional. Tem facilidade em encontrar falhas, solucionar problemas e exige elevado padrão de qualidade. São voltados à tarefa e tendem a realiza-las com muito esmero e responsabilidade. A tomada de decisão é racional e cautelosa.

Para refletir:
Quais são as vantagens de um estilo com alta dominância? E as desvantagens?

 

E então, já identificou qual o estilo predominante em você? Ao liderar e desenvolver pessoas, com qual você mais se identifica?
Se ainda não está claro, pergunte às pessoas como elas veem você em ação.

Vale ressaltar que todos temos características dos 4 estilos, mas sempre terá aqueles 1 ou 2 que predominam sobre os demais. E é aí, onde mais é representado o seu jeito de liderar.
Provavelmente agora está mais claro a importância do autoconhecimento e do conhecimento de quem você está liderando e desenvolvendo. Vamos ao outro ponto importante para aprimorar seu jeito de liderar: siga um modelo.

 

Passo 2: adote um modelo – o modelo de Jesus

Se buscarmos o maior líder de toda humanidade encontraremos a Jesus.
E uma das características marcantes de sua liderança é a clareza de sua identidade. A bíblia cita pelo menos 7 vezes que Jesus disse “Eu Sou”.

Em uma delas Ele disse: “Eu SOU o Caminho, a Verdade e a Vida.” (João 14:6). Ele sabia por que veio como homem, o que representaria nas nossas vidas, sabia que Ele é o caminho para chegarmos a Deus, sabia que Ele é a verdade, que é Deus e que Ele é a fonte de toda vida.
Quando se tem clareza de identidade, você saberá para o que dizer sim e para o que dizer não. Sabe que valores são inegociáveis em sua liderança e sabe o que já está na hora de abrir mão.

Reflita sobre isso:

  • Quais são os seus valores? Do que você não abre mão?
  • O que a Bíblia diz sobre quem você é? (inclusive temos um plano bíblico gratuito para você responder com clareza esta questão)
  • Quem são as pessoas que você influencia ou lidera? Pense em sua família, igreja, trabalho, vizinhança etc.
  • Qual o seu papel na vida destas pessoas que lidera?

 

Outro aspecto que podemos aprender com Jesus é sua capacidade de olhar para o outro, enxergá-lo e genuinamente se conectar com ele. Justamente por isso, conseguia ajudar de forma única, amorosa e que gerava transformação.

Você também pode se conectar desta maneira. Como líder, observe, escute e se importe de verdade antes de dar soluções e ordens. Veja alguns pontos que você pode puxar conversa para se conectar:

  • História de vida e o momento atual;
  • Características comportamentais;
  • Dons e talentos evidentes e àqueles que são potenciais a se desenvolverem;
  • Nível de maturidade pessoal e profissional.

Esta conexão te dará a possibilidade de ser mais empático, assertivo e criar relacionamentos autônomos, ou seja, levar o outro a fortalecer sua identidade e caminhar em direção ao seu desenvolvimento e transformação.

 

O jeito certo de liderar

Até aqui você aprendeu 2 passos cruciais para aprimorar seu jeito de liderar:

  1. se conhecer melhor e o seu estilo de liderança
  2. adotar um modelo, o de Jesus

Mas ainda resta uma pergunta importante a responder: existe um jeito certo de liderar?
E a resposta é… sim e não. Na verdade, o que determina se o jeito está certo ou errado é a forma e o momento em que esse jeito é usado. A boa liderança é associada à adequação do líder à necessidade, momento de vida e situação da pessoa liderada.

 

Aqui vão 10 conselhos para você encontrar o “seu jeito certo de liderar” no dia a dia:

  1. Respeite quem você é, não se ajuste demais aos outros e suas expectativas sobre você;
  2. Respeite o outro como ele é;
  3. Confie na capacidade do outro;
  4. Aprenda a ensinar e acompanhar – talvez este seja sua responsabilidade mais nobre como líder que realmente desenvolve pessoas;
  5. Deixe o outro fazer, pois a partir do momento que ele vivencia, seu aprendizado se torna mais consolidado;
  6. Celebre as conquistas individuais e coletivas;
  7. Elogie e cobre melhorias sempre que necessário. Ambos são importantes na mesma medida.
  8. Delegue responsabilidades e autoridade. Você nunca crescerá se fizer tudo sozinho e não confiar nos outros;
  9. Planeje e organize os objetivos, mas sempre os submeta à vontade divina. “A pessoa faz os seus planos, mas quem dirige a sua vida é Deus, o SENHOR.” – Provérbios 16.9;
  10. Siga o modelo de liderança de Jesus e então, seja um modelo a ser seguido.

 

Exercendo esse estilo de liderança, seja no ambiente familiar, espiritual ou profissional, praticando as dicas que demos e principalmente, seguindo os passos de Jesus, você terá um ambiente leve e tranquilo, pois as pessoas se sentirão integradas, felizes e não apenas seguindo ordens.
Aquele que semeia boas sementes, colherá bons frutos!

“…Pois o que o homem semear, isso também colherá…” (Gálatas 6.7)

 

Nós, do Resonare estamos sempre criando conteúdos práticos para viver a partir das lentes da Bíblia.

Amamos participar da sua jornada e fazemos isso pelas mídias sociais, por este Blog e pelos nossos cursos. Para conhecê-los, clique aqui. Será uma alegria caminhar mais pertinho de você.

Se você foi abençoado com esse texto, compartilhe com seus amigos e comente abaixo os seus aprendizados.

Que Deus te abençoe!

Posts Relacionados

Como unir fé e trabalho?

Como unir fé e trabalho?

Depois de um domingo abençoado, cheio de comunhão na igreja e mensagens que te consolam ou exortam, finalmente chega a segunda-feira. O dia mais temido entre os trabalhadores! Uma verdadeira quebra daquele clima espiritual do fim de semana. Começa mais uma semana de...

Coaching Cristão: ferramenta de transformação

Coaching Cristão: ferramenta de transformação

Saiba porque o Coaching Cristão é uma ferramenta que vai ajudá-lo a cumprir sua vocação e ser um agente de transformação. Pegue uma folha de papel e uma caneta. Se você tivesse que escrever pelo menos 2 objetivos ou desejos que tem na vida, faria isso em quanto tempo?...

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *